Base da Filosofia

http://www.facebook.com/wellingtonsversut

Filosofia do Conhecimento - Missão 25 - Schopenhauer - representação

Ler de modo filosófico textos de diferentes estruturas e registros (PCNs, página 64)

Chegada do campeonato de submarinos

Filosofia do Conhecimento
Tema: a representação fenomênica
Questão Central: O que é o mundo?
Filósofo: Schopenhauer (1788-1860)
Obra: O Mundo como Vontade e Representação (1818)

Biografia

Schopenhauer – (1788 - 1860) foi um filósofo alemão conhecido pela sua obra principal "O mundo como vontade e representação" (1818), em que ele caracteriza o mundo fenomenal como o produto de uma vontade metafísica.

Ler textos filosóficos de modo significativo (PCNs)

O Mondo como Vontade e Representação (1818)

O mundo é a minha representação: eis uma verdade que vale para cada ser vivente e cognoscitivo, mesmo se somente o homem é capaz de acolhê-la na sua consciência reflexa e abstrata; e quando ele verdadeiramente o faz, a meditação filosófica nele penetrou.
Torna-se claro e certo para ele que não conhece nem o Sol nem a terra, mas possui um olho que vê o Sol, a mão que sente a terra; que o mundo que o circunda não existe senão como representação – vale dizer, sempre e somente em relação a um outro, àquele que o representa, que é ele mesmo.
(...)
Logo, nenhuma verdade é mais certa e menos necessitada de uma prova do que esta: tudo o que existe para o conhecimento – ou seja, este mundo inteiro – é somente objeto em relação ao sujeito, intuição de quem intui. Em uma palavra: representação.
Naturalmente, isso vale para o presente, assim como para todo o passado e para todo o futuro, para o que está mais distante, assim como para o que está perto: porque vale também para o tempo e o espaço, somente nos quais tudo é distinguido. Tudo quanto pertence e pode pertencer ao mundo tem inevitavelmente como condição o sujeito e existe somente para o sujeito. O mundo é representação.

Dicionário Filosófico

Representação fenomênica  A expressão indica a realidade inteira, enquanto objeto de conhecimento por parte de um sujeito. Tudo aquilo que é conhecido existe somente em relação ao indivíduo que conhece; é uma intuição, uma representação mental.

Elaborar por escrito o que foi apropriado de modo reflexivo (PCNs)

1 – Segundo Schopenhauer, o que é o mundo?
(   ) o mundo é minha representação                (   ) o mundo é minha apresentação
2 – O conhecimento que temos do mundo é somente em relação a quem?
(   ) a nós mesmos                   (   ) aos outros
3 – Portanto, qual é a verdade para tudo o que existe para o conhecimento?
(   ) tudo o que existe para o conhecimento é somente objeto em relação ao sujeito, ou seja, representação
(   ) tudo o que existe para o conhecimento é somente objeto em relação ao outro, ou seja, apresentação
4 – Pesquise no Dicionário Filosófico o que é a representação fenomênica para Schopenhauer.

Publicado em 17 de out de 2015
O Mundo e a Percepção do Mundo ● Clóvis de Barros Filho

Hora Certa

Total de visualizações de página